Dicas para montar o seu livro de receitas de família

Talvez você seja da época, talvez não, mas até algum tempo atrás era comum as famílias terem um livro de receitas próprio. Antes da internet e dos computadores e celulares se espalharem por aí, esse era o melhor jeito de agrupar as suas receitas favoritas. Podiam ser recortes de revista, uma receita que amiga te passou anotada em uma folha de caderno mas principalmente era onde ficavam as receitas de família.

Hoje as coisas mudaram bastante. Para obter uma inspiração do que preparar, basta acessar algum blog ou vídeo. E você pode salvar todas as suas receitas de família em um documento online, se quiser. Não há mais a necessidade de um livro de receitas. O que não significa que ele ainda não deva ter um lugar na sua cozinha. Descubra porquê ainda ter um livro de receitas de família e como fazer um.

Por que fazer um livro de receitas de família?

Você já percebeu como nem sempre a tecnologia é prática? Ficou tão simples ter acesso a qualquer tipo de informação hoje, que não se costuma mais armazenar nada, basta buscar. Não faltam receitas, canais, blogs, influenciadores para te dar sugestões do que cozinhar. Tantas opções que às vezes isso pode mais atrapalhar do que ajudar.

Como escolher? O que será que é bom? Posso confiar nesse cara? Nesse sentido, ter um livro com as receitas que você já sabe que dá certo, que sua família gosta e que ainda tem uma conexão emocional contigo, parece uma ótima ideia. O caderno de receitas de família é o seu porto seguro.

Além disso, registrar e agrupar essas receitas é ajudar a contar a sua história e também homenagear aquelas pessoas que você mais ama. Fora que, se você ainda fizer o livro com capricho, ele pode servir como um ótimo presente.

Como fazer um livro de receitas de família?

Selecione as principais receitas da família

O primeiro passo é escolher o que vai entrar e o que não vai. Não há um critério para fazer essa decisão, mas pense naqueles pratos mais especiais: o bolo da tia, o feijão da vovó, aquele escondidinho que seus filhos adoram. Junte tudo o que vier a sua cabeça e depois selecione os mais marcantes.

Para não complexificar, tente fazer um bom recorte. Algo como um top 10 receitas doces e salgadas. Manter as coisas simples trazem mais garantia de que o projeto vai chegar até o fim. Lá para frente, você pode acrescentar mais receitas, se sentir necessidade.

Detalhe bem o modo de preparo

Como essas são receitas que provavelmente você já está bastante acostumado a fazer, pode ser que não lembre exatamente as quantidades e faça tudo mais “no olho”. Não há problema nenhum nisso. Mas, na hora de detalhar a receita, pense se uma pessoa que nunca fez aquele prato na vida, vai conseguir reproduzir apenas com que está escrito alí. Sem ninguém para perguntar, ou para fazer a receita junto com ela. Se a resposta for não, seja mais específico nas instruções.

Não diga “mexa bem”, “depois de alguns minutos”, “um pouco de tal coisa”. Dê mais detalhes para que a receita seja bem compreendida. Defina o modo, o tempo e as quantidades.

Prepare e fotografe

Depois de arrumar bem o mapa das receitas, que tal prepará-las? Essa é uma boa oportunidade para trazer a família para a cozinha e torná-los ainda mais parte desse projeto. Aproveite que vai cozinhar e faça uma foto bem bonita de cada prato, para ilustrar a receita no livro.

Por fim, para dar mais personalidade, você pode detalhar um pouco a história de cada receita e também o autor. Essa é uma bela forma de homenagear aquele parente querido. Então, projeto concluído. Se decidir imprimir, só não esqueça de plastificar para proteger o livro, quando estiver cozinhando com ele.

Ter um livro de receitas de família é ótimo para manter o fácil acesso aqueles pratos clássicos, mas e quando você quer inovar e variar um pouco? Se você acha que não tem criatividade o suficiente ou não consegue se organizar para variar a sua alimentação, então você precisa conhecer a nossa plataforma de organização alimentar.

Por meio dela, você recebe um planejamento completo de cardápio que varia toda a semana. As receitas são personalizadas aos seus gostos e necessidades, escolhidas e testada por chefs e nutricionistas. Com 30 minutos, em média, você consegue preparar refeições deliciosas e com os mais diversos ingredientes.

Quer variar a sua alimentação de forma prática? Então, confira o cardápio personalizado Home Chefs.

2020-05-22T17:23:14-03:00 0 Comentários